Pesquisa Personalizada Google

Ouça Estudos de Temas Bíblicos Agora:

Pesquisa Personalizada Google

quinta-feira, 18 de outubro de 2012

INCA lança game sobre os malefícios do tabagismo


O projeto visa atingir crianças e jovens com idades entre 10 e 14 anos, consideradas como as  faixas etárias da experimentação de derivados do tabaco. 

O Instituto Nacional de Câncer José Alencar Gomes da Silva (INCA) lança, na próxima quinta-feira, dia 18, às 15h, o jogo "Agentes da Saúde: por um mundo livre do cigarro". Destinado para crianças e jovens dos 10 aos 14 anos, idade em que começam a experimentar derivados do tabaco. O game online é ambientado na cidade e no campo, tratando da influência da indústria na sociedade. O lançamento será no Museu da Vida, da Fundação Oswaldo Cruz, durante a 9a. Semana de Ciência e Tecnologia. 

O jogo dá continuidade ao tema do Dia Nacional de Combate ao Câncer, celebrado todo mês de agosto, e trata de forma didática a influência da indústria do tabaco na sociedade, abordando a fumicultura e os malefícios causados ao ambiente e ao agricultor. Além de pontuar assuntos como as doenças causadas aos fumantes, a influência da indústria do tabaco nos jovens e a venda de cigarros com aromas e sabores em locais específicos para a faixa etária. 

O game, financiado pela Organização Pan-americana da Saúde (OPAS), ficará hospedado no site do INCA e disponível para acesso via internet. Desenvolvido em HTML 5, o "Agentes da Saúde: por um mundo livre do cigarro" poderá ser jogado em PC, Mac, tablets, iPhones e celulares com sistema operacional Android. 

Exposição sobre o controle do tabaco no Brasil também estará na Semana Nacional de Ciência e Tecnologia na Fiocruz 

A dobradinha INCA e Fiocruz, também durante a nona edição da Semana Nacional de Ciência e Tecnologia 2012, reabre para visitação do público, a exposição "O controle do tabaco no Brasil: uma trajetória". 

Por meio de 22 painéis fotográficos, expostos também no Museu da Vida, a exposição apresentará os esforços da saúde pública contra os estímulos à prática de consumir cigarros. Serão expostas campanhas criadas por órgãos governamentais preocupados com os malefícios decorrentes do consumo prolongado do tabaco, além de mostrar as estratégias usadas pela indústria tabagista para seduzir milhões de pessoas ao longo de décadas. Cartazes sofisticados, jingles encantadores, propagandas televisivas bem-elaboradas e inserções no cinema são algumas das estratégias que serão exibidas. 

A exposição aponta também evidências históricas de como o consumo do tabaco se tornou cada vez mais intenso com aos processos de industrialização e o crescimento urbano. As mudanças incentivaram os brasileiros, dos mais diferentes segmentos sociais, a utilizar diferentes formas de tabaco, desde os mais caros charutos e cachimbos, passando pelos rapés e fumos de rolo, até os mais baratos e nocivos cigarros de rápido consumo. 

Nos últimos dez anos, o tabaco matou 50 milhões de pessoas no mundo. É responsável por mais de 15% de todas as mortes de homens adultos e por 7% das mortes de mulheres. No Brasil, um em cada cinco homens e uma em cada dez mulheres morrem devido ao fumo. 

Em 2011, o Brasil gastou 21 bilhões de reais no tratamento de pacientes com doenças relacionadas ao tabaco. O valor equivale a 30% do orçamento do Sistema Único de Saúde (SUS) e foi 3,5 vezes superior ao arrecadado pela Receita Federal com produtos derivados do tabaco. 

Ciência e Tecnologia 

A nona edição da Semana Nacional de Ciência e Tecnologia 2012 ocorre de 15 a 21 de outubro, e tem como tema Economia Verde, Sustentabilidade e Erradicação da Pobreza, escolhido durante a Conferência das Nações Unidas sobre Desenvolvimento Sustentável (Rio+20), realizada em junho na capital fluminense. A Semana é uma atividade nacional coordenada pelo Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação, em colaboração com instituições de pesquisa e ensino de todo o País. 

No evento, a Fiocruz vai oferecer cerca de 20 atividades, entre palestras científicas e exposições, para debater formas de promover o desenvolvimento social e ambiental sustentável. Também serão abordadas ações que possam auxiliar na erradicação da pobreza e na redução das desigualdades sociais. 

De acordo com Luisa Massarani, diretora do Museu da Vida da Fiocruz, as atividades são para o público de todas as idades: “Esta semana vamos fazer uma série de atividades bem legais na Biblioteca de Manguinhos, em colaboração com a população. Vamos ter uma série de sensibilizações sobre sustentabilidade, ciência e saúde, além da distribuição de material educativo e da organização de bate-papos". 

Segundo a diretora, as pesquisas feitas na Fiocruz têm um aplicação muito grande para a qualidade de vida da população. “A gente quer ir muito além de apenas fazer propagandas das nossas pesquisas. Queremos sensibilizar as pessoas sobre a importância da ciência e da saúde no bem-estar da população, queremos sensibilizar as comunidades sobre a importância desses temas, e a Fiocruz tem um papel fundamental nisso”, ressaltou. 


MAIS INFORMAÇÕES SOBRE A PROGRAMAÇÃO 

Lançamento do Jogo "Agentes da Saúde: por um mundo livre do cigarro" 
Local: Museu da Vida - Fiocruz 
Endereço: Av.Brasil, 4365, Manguinhos, Rio de Janeiro 
Data e horário: 18/10, quinta-feira, às 15h. 
  
Exposição “O controle do tabaco no Brasil: uma trajetória” 
Casa de Oswaldo Cruz (COC) em parceria com o Instituto do Câncer (Inca) 
Local: centro de recepção do Museu da Vida 

Exposição dirigida a jovens e adultos sobre os malefícios do tabaco e as campanhas de saúde pública voltadas para o controle do tabagismo no Brasil 
Dias: de 17 a 20 de outubro 
Horários: das 9h às 16h30, de terça a sexta; e das 10h às 16h, no sábado 
Faixa etária: a partir de 14 anos 


Fontes: INCA, Fiocruz e Agência Brasil (Portal EBC)

Nenhum comentário:

Pesquisa Google